Dilermando Pinheiro nascimento 28/09/1917 falescimento 10/05/1975

Carioca, depois de tocar na Banda da Polícia Militar, passou a se apresentar nos anos 30 como cantor nas rádios Guanabara, Tupi e Nacional, e formou com Cyro Monteiro a Dupla Onze, na Rádio Mayrink Veiga. Gravou um disco em 1956 com sambas, incluindo "Minha Palhoça" (J. Cascata) e passou uma época esquecido. Até que em 1965 participou do show "Telecoteco Opus nº 1", que virou disco com o mesmo nome, também com Cyro Monteiro. Alguns dos maiores sucessos da dupla foram "Risoleta" (R. Marques/ M. Bernardino), "Seu Libório" (João de Barro/ A. Ribeiro), "Florisbela" (Nássara/ Frazão), "Formosa" (Baden Powell/ Vinicius de Moraes) e "Até Amanhã" (Noel Rosa).

Discografia

Discos de carreira
SAMBA À LÁ DILERMANDO

SAMBA À LÁ DILERMANDO

Philips - 1962
 
É SAMBA MESMO

É SAMBA MESMO

Polydor - 1958
 
SAMBAS DO PASSADO - VOL. I

SAMBAS DO PASSADO - VOL. I

Musidisc - 1969
 
SAMBAS DO PASSADO - VOL. II

SAMBAS DO PASSADO - VOL. II

Musidisc - 1969
 
SAMBAS QUE NÓS CONHECEMOS

SAMBAS QUE NÓS CONHECEMOS

Audiola/Musidisc - 1969
 
LULU DE MADAME

LULU DE MADAME

Regency - 1969
 
 
Artistas relacionados
 
 
MetaMusica