CHICO & NOEL EM REVISTA

Noel Rosa / Garganta Profunda / Chico Buarque (2000)

2000
Independente
Crítica

Cotação:

Grandes cronistas urbanos, Noel Rosa e Chico Buarque estão próximos um do outro no imaginário da MPB. Não por acaso, Chico interpretou o papel de Noel no filme O Mandarim, de Julio Bressane (1995). O grupo vocal Garganta Profunda, comemorando 15 anos de existência, reúne em disco a obra dos dois, criando pontos de interseção entre as canções e sambas de um e de outro ao longo das 15 faixas de Chico & Noel em Revista. A ligação entre os dois compositores é tanta que o cantor Zé Renato (ex-Boca Livre) também já anunciou sua intenção de gravar um disco com a mesma idéia – e quiçá repertório diferente –, o que a personalíssima Isaura Garcia já fez em 1970. Neste aqui, a produção – independente – é bem cuidada, com grande time de músicos e encarte caprichado. Chico e Noel se encontram quando escrevem a amigos (Cordiais Saudações e Meu Caro Amigo), quando exaltam as belezas do Rio de Janeiro (Cidade Mulher e Estação Derradeira), quando falam dos valentões e malandros (Século do Progresso e Homenagem ao Malandro), quando perdoam a mulher amada (Você Só... Mente e Mil Perdões). A mais bem-sucedida é a ótima fusão De Babado/Partido Alto, dois grandes sucessos – de 1936 e 1972, respectivamente –, um entrando como "improviso" dentro do outro. O Garganta Profunda (hoje um quinteto, mas que já teve mais de 20 integrantes) investe sabiamente mais nas vozes solistas e menos nos coros homofônicos. Ainda assim, Você Só... Mente não foge ao estilo jingle comercial e algumas faixas resvalam no estereótipo do "coro tchu ru ru" (Século do Progresso, Injuriado, Bom Tempo). Os arranjos, bem mais ousados nas músicas de Noel, são fiéis em demasia às versões originais de Chico, inovando pouco. Isso não tira o mérito do disco, que prima pela qualidade dos intérpretes, tanto os cantores quanto os instrumentistas. Destacam-se ainda a participação de Chico em Cidade Mulher e a comovente interpretação de Último Desejo – música que já teve incontáveis versões, mas que aqui encontrou "algo mais" a dizer.(Nana Vaz de Castro)
Faixas
Ouvir todas em sequência
1 Cordiais saudações Ouvir
(Noel Rosa)
2 Meu caro amigo Ouvir
(Chico Buarque, Francis Hime)
3 Cidade mulher Ouvir
(Noel Rosa)
4 Estação derradeira Ouvir
(Chico Buarque)
5 Você só... mente Ouvir
(Hélio Rosa, Noel Rosa)
6 Mil perdões Ouvir
(Chico Buarque)
7 Século do progresso Ouvir
(Noel Rosa)
8 Homenagem ao malandro Ouvir
(Chico Buarque)
9 De babado Ouvir
(João Mina, Noel Rosa)
Partido alto (Chico Buarque)

10 Feitio de oração Ouvir
(Vadico, Noel Rosa)
11 Injuriado Ouvir
(Chico Buarque)
12 Gota d'água Ouvir
(Chico Buarque)
13 Último desejo Ouvir
(Noel Rosa)
14 Até amanhã Ouvir
(Noel Rosa)
15 Bom tempo Ouvir
(Chico Buarque)
 
CHICO & NOEL EM REVISTA
 
 
MetaMusica